Aprenda como memorizar palavras em inglês com essas 6 técnicas

Uma das principais dificuldades de qualquer estudante de inglês é sempre o vocabulário.

Como decorar tantas expressões, adjetivos, verbos, contrações, advérbios e pronomes desconhecidos de uma outra língua? Essa é a grande pergunta para todos eles.

No artigo a seguir, você confere a resposta para ela e aprende o que você pode fazer para memorizar palavras em inglês e nunca mais esquecer. Acompanhe!

A dificuldade em memorizar

Você com certeza já passou por essa experiência: estudou várias palavras da língua inglesa, anotou todas juntamente com seus exemplos e traduções, treinou a pronúncia e finalmente memorizou.

Mas, no dia seguinte acordou sem lembrar nem metade delas.

E acredite, você não é o único a passar por isso.

A dificuldade de memorização de palavras é um grande problema para qualquer estudante de inglês e acontece, principalmente, por conta de como o nosso cérebro funciona.

Descoberta pelo filósofo e psicólogo alemão Hermann Ebbinghaus, a Curva do Esquecimento descreve perfeitamente esse modus operandi do cérebro.

Ela indica que a nossa memória é “autolimpante” e descarta a maioria das informações absorvidas em um prazo médio de 30 dias.

Isso quer dizer que, se um dia após ter aprendido novas palavras você esquece metade, em um mês você não vai se lembrar mais de nenhuma delas.

E é aí que está a dificuldade em memorizar novas palavras da língua inglesa.

Porém, usando as técnicas certas, é possível driblar essa curva do esquecimento e memorizar toda as palavras que você estudar.

Técnicas para você memorizar as palavras em inglês

Flat speach bubbles

Com as técnicas certas, é possível superar a Curva do Esquecimento e melhorar a sua taxa de memorização das palavras.

Estas se baseiam, principalmente, na revisão constante do que que você já aprendeu para impedir que o cérebro descarte.

A seguir você confere as principais delas e uma série de dicas que vão te ajudar a memorizar todas as palavras que você estudar e nunca mais esquecer. Acompanhe!

1 – Seja curioso

A nossa primeira dica para você memorizar as palavras em inglês é: seja curioso.

Pois a curiosidade é a melhor amiga do aprendizado.

Sempre que encontrar uma palavra nova, que você nunca viu ou conhece pouco, vá fundo e a estude o máximo que você puder.

Procure por sua definição em inglês mesmo e sua tradução, anote, veja como ela é pronunciada, realmente destrinche aquela palavra.

4 dicas para memorizar verbos irregulares de inglês

Pois isso, além de ajudar na memorização e auxiliar no aumento do vocabulário, te permite aprender ainda mais sobre a língua inglesa.

O mesmo vale para expressões, idioms, contratações, tempos verbais ou qualquer outra coisa desconhecida que você ouvir ou ler por aí enquanto estuda.

2 – Faça associações

As associações são importantíssimas para o aprendizado de um novo idioma e o mesmo vale quando o assunto é a memorização de palavras.

Ao criar associações, você constrói pontes entre uma palavra de língua inglesa a outra coisa que vão te ajudar a relembrar sempre.

Por isso, quando você aprender uma nova palavra, tente associá-la a qualquer coisa que te ajude a relembrar do que aquela palavra se trata.

Não precisa ser, necessariamente, uma palavra do português.

Você pode criar associações com objetos, ideias abstratas ou até mesmo outras palavras da língua inglesa.

O que importa é criar essas pontes que vão te ajuda na memorização.

Porém, é preciso tomar cuidado, se não a associação pode se tornar confusa e acabar te atrapalhando ao invés de ajudar.

Por isso, crie associações apenas para as palavras que você realmente perceber que precisa.

3 – Escreva e reescreva

O simples ato de escrever a palavra que você está aprendendo pode te ajudar muito com sua memorização e você pode e deve explorar isso em seu favor.

Assim, sempre que você descobrir uma nova palavra, expressão, contração, verbo, etc, imediatamente escreva-o.

Você pode fazer isso em um caderno ou bloco de notas, caso prefira, ou no seu celular, tablet ou computador caso seja mais tecnológico.

De qualquer maneira, escreva a palavra, sua definição e tradução, pois assim você consegue memorizar mais facilmente.

É importante que você dê um contexto também, escrevendo uma ou mais frases de exemplo para cada sentido que a palavra contenha.

Como ter uma vida saudável pode te ajudar a memorizar?

4 – Revise sempre

A melhor forma de burlar a curva do esquecimento e superar o desafio da memorização é revisando.

Isso porque você não esquece assim que termina de aprender.

O seu cérebro vai limpando as informações pouco a pouco conforme o tempo passa e revisando você impede que isso aconteça.

Para fazer as revisões, você pode usar as mesmas anotações abordadas no tópico anterior e o ideal é que elas sejam gradativas.

Ou seja, no início você revisa duas ou três vezes por semana, mas conforme a memória for se solidificando você vai diminuindo a frequência para duas, 1 vez na semana e depois para apenas duas semanas ao mês.

5 – Tenha sempre anotações por perto

As anotações são suas melhores amigas quando o assunto é memorizar novas palavras e, assim como um bom amigo, você deve mantê-las sempre por perto para quando você vier a precisar.

Para isso, nada melhor do que um bom aplicativo de notas no seu celular, pois com ele você consegue fazer notas rápidas sempre que ver ou ouvir uma palavra nova e pode revisá-las sempre que precisar, não importa onde você esteja.

Você também pode usar um bloquinhos de notas, um caderninho ou post-its, mas esses são menos discretos e nem sempre podem ser usados.

6 – Use ferramentas de repetição espaçada

Por fim, a nossa última dica é: use ferramentas de repetição espaçada, pois elas são perfeitas para que você consiga superar a curva do esquecimento.

Através de algoritmos, elas calculam o tempo perfeito para que você revisar determinada palavra e assim você só precisa se preocupar em abrir a ferramenta e estudar.

Entre as melhores que usam essa técnica está o Anki, um aplicativo e plataforma web que te permite criar flashcards sobre praticamente qualquer assunto e começar a estudar por eles e todo o planejamento da repetição espaçada fica com a ferramenta.

Deixar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>